rioecultura rioecultura
Facebook Twitter Pinterest Picasa Instagram
EXPOSIÇÕES EVENTOS LOCAIS CULTURAIS COLUNISTAS ARTIGOS MATÉRIAS NOTÍCIAS INSTITUCIONAL COLABORADORES CONTATO
TRANSLATE THIS WEBSITE
COLUNA PATRIMÔNIO HISTÓRICO
Leonardo Ladeira ladleo@gmail.com
Memória do Rio passa por ampla restauração

rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras - foto da fachada

O Museu que conta a história da cidade do Rio de Janeiro encontra-se, em fevereiro de 2012, fechado há vários meses para uma ampla restauração. As obras foram orçadas em R$ 3,9 milhões e contemplam a recuperação das fachadas, paredes, pisos, pinturas e todo o conjunto histórico. Também será realizada uma revisão geral da estrutura em concreto armado e impermeabilização de lajes. Os detalhes talhados em pedra e as pinturas ornamentais também vão passar por restauro. Se o cronograma não atrasar, as obras devem ser concluídas ainda no primeiro semestre deste ano.

Após a reabertura, esperamos que o Museu recupere o brilho do passado e contribua com a revitalização do Parque da Cidade, onde está localizado.

Vamos conhecer hoje um pouco da história do importante Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro e do belo solar que o abriga.

rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras
O Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro foi criado em 1934, na gestão do prefeito Pedro Ernesto, e, desde 1941, encontra-se instalado em um solar do século XIX, dentro da imensa área verde do Parque da Cidade, no bairro da Gávea, cercado por árvores centenárias, riacho e açude.


rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras
O solar onde se encontra o Museu fazia parte da Chácara do Morro do Queimado, de propriedade de Catarina de Sena. Posteriormente, pertenceu ao jurisconsulto José Antonio Pimenta Bueno (1803 - 1878), o Marquês de São Vicente, que a transformou em uma fazenda de café que se estendia até a Vista Chinesa.


rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras
Em 1887, o Conde de Santa Marinha, Antônio Teixeira Rodrigues, adquiriu aquele trecho da propriedade dos herdeiros do Marquês. A terra transformou-se então em um belo parque graças ao Conde de Santa Marinha, arquiteto e artista canteiro. A residência, simples edificação de um pavimento, adquiriu o aspecto senhorial das grandes vivendas do fim do século XIX e passou a ser conhecida como Solar de Santa Marinha.


rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras
Ainda é possível ver, próxima ao solar, a Capela de São João Batista, com painéis do pintor baiano Carlos Bastos, retratando a vida e a morte do profeta. A Capela foi construída no início do século XX pela esposa de João Carvalho Macedo, que herdou a propriedade do Conde de Santa Marinha. Ali eram celebradas missas aos domingos e feriados.


rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras
O próximo proprietário do imóvel foi Guilherme Guinle, que aumentou a obra artística do Conde de Santa Marinha e ampliou o prédio, instalando inclusive um elevador. Na gestão de Henrique Dodsworth, a Prefeitura do então Distrito Federal adquiriu o Solar e o Parque, continuando a zelar por esse patrimônio artístico e natural.


rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras
Em três de maio de 1941, durante a gestão do Prefeito Henrique Dodsworth, o Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro foi transferido para o antigo Solar de Santa Marinha, no Parque da Cidade, onde ocupou algumas salas do prédio principal.


rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras
No solar destacam-se as varandas incluídas em 1902, com coberturas sustentadas por estruturas metálicas. Na foto acima, vê-se que as telhas foram retiradas para restauração.


rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras
O Museu possui um vasto acervo bibliográfico, documental e museológico, que inclui mobiliário, coleção de moedas e medalhas, armaria entre outros itens como esculturas, porcelanas, pinturas, gravuras, fotografias e obras de artistas consagrados, num total de 14 mil peças. Entre sua coleção distingue-se um exemplar de Fonte Wallace, fundida na década de 1870, pela Fundição Val d´Osne, na França.


rioecultura - Coluna Patrimônio Histórico: Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro em obras
Em 2011 foi iniciada a restauração completa do Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro. As obras incluem a edificação principal, a Capela de São João Batista e o prédio anexo. Serão executados também serviços de rede elétrica, hidráulica, sanitária e telefonia. A previsão é que a intervenção dure um ano.

======================================================

SERVIÇO
Estrada Santa Marinha s/n - Gávea - Rio de Janeiro CEP: 22451-240
Tels: (21) 2512-2353 e (21) 2294-5990.
Atualmente (Fevereiro 2012): visitação só externa

Fotos: Leo Ladeira

FONTES
- Home Page Associação de Amigos do Museu da Cidade
- Home Page Secretaria Municipal de Cultura do Rio de Janeiro
- Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Secretaria de Cultura, Desportos e Turismo do Estado da Guanabara, 1974
- Guia Museus do Rio – Isabel de Sued – Agir Editora – 1994
- Guia da Arquitetura Eclética no Rio de Janeiro. Casa da Palavra, 2000.
compartilhe subir a página
Postagens

Julio Biar [MPB]

Leo Ladeira [Patrimônio Histórico]

Marcelo Aouila [Teatro]

Seu nome:

Comentário:

Observação:
Verifique o texto antes de enviá-lo, pois não será possível modificá-lo ou apagá-lo após o registro.

ATENÇÃO: O seu comentário não será postado automaticamente. Ele passará por uma aprovação antes de ser publicado.



Seja o primeiro a comentar!
Escreva ao lado sua opinião.

Dados do(a) amigo(a):
Nome:
E-mail:
Mensagem:

Seus dados:
Seu nome:
Seu e-mail:
  voltarsubir
© Copyright 2008-2013 Rio&Cultura
SIMETRIA Arte e Comunicação desenvolve este site

Clicky Web Analytics
Rio&Cultura