rioecultura rioecultura
Facebook Twitter Pinterest Picasa Instagram
EXPOSIÇÕES EVENTOS LOCAIS CULTURAIS COLUNISTAS ARTIGOS MATÉRIAS NOTÍCIAS INSTITUCIONAL COLABORADORES CONTATO
TRANSLATE THIS WEBSITE
COLUNA PATRIMÔNIO HISTÓRICO
Leonardo Ladeira ladleo@gmail.com
rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico

Exatamente no local onde hoje se situa o Teatro João Caetano, na Praça Tiradentes, Centro do Rio, foi erguido, em 1813, o Real Theatro de São João, em homenagem ao príncipe regente, D.João VI.

Acostumado com as melhores companhias cênicas européias, D.João VI não gostara da única casa de espetáculos que existia no Rio, o Teatro de Manoel Luís, na época da chegada da família real portuguesa ao Brasil, em 1808.

Como a corte também ansiava por uma vida noturna mais diversificada do que a do Rio oferecia naquele momento, o regente autorizou que o cabeleireiro Fernando José de Almeida, conhecido como Fernandinho, construísse um novo teatro para a cidade, mais amplo, confortável e luxuoso.

rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico
Teatro São João, em 1834

rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico
Teatro Imperial de São Pedro de Alcântara

A inauguração do Teatro São João, a 12 de outubro de 1813, atraiu a elite carioca em peso. No programa, os espetáculos “O Combate de Vimieiro” e “O Juramento dos Numes”, dramas líricos encenados por atores portugueses.

O teatro foi cenário de importantes acontecimentos históricos do país. Ali assinou-se a primeira Constituição brasileira.

O antigo Real Teatro de São João foi reconstruído após sucessivos incêndios, ocorridos em 1824, 1851 e 1856.

Na época do reinado do imperador D.Pedro I o teatro foi rebatizado como Teatro Imperial de São Pedro de Alcântara. Depois seria chamado de Teatro Constitucional Fluminense, Teatro São Pedro e, finalmente, Teatro João Caetano.

O TEATRO JOÃO CAETANO HOJE EM DIA
rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico

A atual fachada externa revestida de mármore e vidro fumê é fruto da reforma que teve início em julho de 1978.

Hoje, o Teatro João Caetano possui aspecto moderno, mas ainda guarda lembranças de seu passado, como a estátua do ator João Caetano, à frente do edifício (ver Box).

No foyer de acesso ao balcão nobre, no segundo pavimento, encontram-se dois painéis executados em 1931 por Di Cavalcanti. Os murais, chamados de “Samba”, possuem forma octogonal e representam cenas evocando a dança e a música.

Os painéis, tombados pelo INEPAC, foram pintados a óleo diretamente sobre a parede. As datas 1931 e 1964 grafadas sob a assinatura registram respectivamente o ano da pintura e o da intervenção feita pelo autor mesmo.

rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico

rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico

rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico

O público também pode conhecer a exposição “Teatro João Caetano e sua História”, que conta a trajetória da casa de espetáculos mais antiga do Rio de Janeiro.

Em painéis espalhados pelo foyer, a mostra apresenta textos e fotos de momentos históricos do teatro, como a sua construção por ordem de D. João VI e as reformas pelas quais ele passou em decorrência de seus três incêndios.

A exposição traz imagens também de figuras importantes na história da casa, como Bibi Ferreira, Sarah Bernardt, Theresa Amayo, além do próprio ator João Caetano.

rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico

rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico

Grandes Momentos

Pelo João Caetano, passaram os maiores nomes do teatro brasileiro: Chiquinha Gonzaga, Procópio Ferreira, Jayme Costa, Bibi Ferreira, Dulcina de Moraes, Grande Othelo, Fernanda Montenegro, Dercy Gonçalves, Paulo Gracindo, Paulo Autran, Marília Pêra, entre muitos outros. Ali foram encenados espetáculos marcantes como "My Fair Lady", “Hello Dolly", “Evita", "Vargas", “O Rei de Ramos”, “A Estrela Dalva”, "O Corsário do Rei", "A Floresta Amazônica em Sonho de uma noite de Verão”, "Gilda", "Bibi in Concert I e II", “7 – O Musical”, entre tantos outros.

Também foram apresentados ali balés brasileiros e internacionais como o grupo Stomp, Bill T. Jones e Deborah Colker, além de grandes nomes da MPB, tais como Elizeth Cardoso, Milton Nascimento, Roberto Carlos, Rita Lee, Gilberto Gil, Paulinho da Viola, Luiz Gonzaga.

rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico

Outro marco do teatro foi o Projeto Seis e Meia, idealizado por Albino Pinheiro em 1976, e que apresentou astros da MPB a preços populares.

ESTÁTUA DE JOÃO CAETANO
rioecultura : Teatro João Caetano : Coluna Patrimônio Histórico

Quando foi inaugurada, em 1891, a estátua do famoso ator João Caetano dos Santos (Itaboraí, 27 de janeiro de 1808 — Rio de Janeiro, 24 de agosto de 1863) ficava em frente à Academia Imperial de Belas Artes. Em 1916, a escultura foi transferida para a frente do Teatro João Caetano. Projeto de 1890, de Francisco Manuel Chaves Pinheiro. Na composição, o ator está interpretando “Oscar, o filho de Orssian”, de Arnoult.

SERVIÇO
----------------------------------
. Endereço: Praça Tiradentes, s/nº
. Bairro: centro
. Telefone: 2332-9257
----------------------------------

Por Leo Ladeira
-----------------------------------------------

Fontes de Consulta:
O Rio de D.João VI – Uma Memória Preservada? – Leonardo Ladeira Mota – 1995.
Portal Funarj
Wikipédia
Blog Marco Miranda
Acervo Leo Ladeira
Acervo INEPAC
compartilhe subir a página
Postagens

Julio Biar [MPB]

Leo Ladeira [Patrimônio Histórico]

Marcelo Aouila [Teatro]

Seu nome:

Comentário:

Observação:
Verifique o texto antes de enviá-lo, pois não será possível modificá-lo ou apagá-lo após o registro.

ATENÇÃO: O seu comentário não será postado automaticamente. Ele passará por uma aprovação antes de ser publicado.



Como é importante para a população conhecer a História de sua cidades, seus monumentos. Lamento que poucos tenham como ler essa deliciosa viagem pela trajetória do Teatro João Caetano. Como sempre, PARABÉNS!!!!
  Postado por: Marisa Sá
  em: 2010-08-20 18:11:44

Fui muitas vezes ver show, quando tinha 6:30h, gostaria muito que voltasse. Por isso deixo aqui essa sujestão. Acho que como eu muita gente gostaria tambem. Marco Antonio
  Postado por: Marco Antonio da Silva
  em: 2013-09-11 20:47:18


Dados do(a) amigo(a):
Nome:
E-mail:
Mensagem:

Seus dados:
Seu nome:
Seu e-mail:
  voltarsubir
© Copyright 2008-2013 Rio&Cultura
SIMETRIA Arte e Comunicação desenvolve este site

Clicky Web Analytics
Rio&Cultura